Últimas Notícias
Brasil

Mulher que caiu do 10° Andar era advogada e deixa uma filha

Se trata da advogada Camila de Oliveira Pinheiro, 31, que morreu após ser jogar do 10° andar de um hotel na Avenida Lauro Sodré com Imigrantes, bairro São João Bosco, em Porto Velho (RO) na noite desta sexta-feira (22).



As informações obtidas pelo são de que a advogada estaria passando por um quadro de depressão e já havia tentado tirar a vida em outro local dias antes.


Hoje no período da tarde ela teria conversado com alguns familiares como se estivesse se despedindo e depois não foi mais vista.


A mulher então teria se hospedado no hotel e em determinado momento acabou pulando da janela de um dos quartos do 10° e último andar.


A Perícia Criminal foi chamada junto com a Polícia Militar e rabecão do Instituto Médico Legal (IML) para os trabalhos de praxe. A advogada deixa uma filha de 11 anos.



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade