Últimas Notícias
Brasil

Coronavirus - COVID-19

Coronavirus/block-2

Notícias de Rondônia

Rondônia/block-6
Videos/block-5

Saúde e Bem Estar

Saúde/block-5

Mais sobre Brasil

Brasil/block-4

Caderno Policial

Policial/block-3

Mais sobre Acidentes

Acidentes/block-2

Mais sobre Política

Política/block-3

Mais sobre Esportes

Esporte/block-1

Últimas Notícias

Boletim Covid: Rondônia registra 6 mortes e 609 novos casos neste sábado (12)

Rondônia registrou seis mortes por Covid-19 neste sábado (12), segundo o boletim das Agência de Vigilância em Saúde (Agevisa) e Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). Desde o começo da pandemia são 5.910 vítimas fatais.


Boletim Covid: Rondônia registra 6 mortes e 609 novos casos neste sábado (12)


O estado também registrou nas últimas 24 horas, 609 diagnósticos positivos para o coronavírus. Somados os casos desde março do ano passado, já são 237.788 infecções, estando atualmente com 7.525 casos ativos.

Rondônia não divulgou dados sobre a pandemia no dia 8 de junho, por isso não há registro no gráfico acima. Segundo informações da Sesau, a equipe não conseguiu acessar os dados no referido dia devido instabilidade no sistema.


O estado também tem:

  • 224.353 pacientes recuperados
  • 447 pessoas internadas com a doença; nenhuma esperando leitos
  • 325 testes aguardando resultados do Lacen

Vacinação

Segundo o Governo de Rondônia, 338.017 pessoas tomaram a 1ª dose de vacina contra Covid e 139.785 também tomaram a 2ª.

Homem é sequestrado em fazenda e executado com mais de 10 tiros

O caseiro de uma fazenda no distrito de Jaci-Paraná, em Porto Velho (RO) foi morto com mais de 10 tiros. O homem havia sido sequestrado por criminosos acusados de invasão de terras.


Homem é sequestrado em fazenda e executado com mais de 10 tiros


Equipes da Polícia Civil da capital foram ao local neste sábado (12) e encontraram o corpo da vítima. Agentes da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) e da Especializada em Crimes Contra o Patrimônio estão no local.

Breve matéria completa.

AGORA: Mulher é assassinada a tiros ao abrir portão para criminoso encapuzado

Marisa Pereira de Oliveira, 59, foi assassinada a tiros na tarde deste sábado (12) no Ramal do Ouro, bairro Planalto, na zona Leste de Porto Velho (RO).Informações colhidas afirmam que a mulher teria escutado alguém bater no portão e acabou surpreendida tiros ao ir abrir. O criminoso estava usando capuz e fugiu a pé logo na sequência.


AGORA: Mulher é assassinada a tiros ao abrir portão para criminoso encapuzado


O filho e o esposo da vítima que também estavam em casa ainda a socorreram para a UPA, mas ela já chegou ao local em óbito. O cachorro da mulher ainda foi baleado ao avançar contra o criminoso.

Agentes da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) já estão investigando a motivação e a autoria do crime.


Fonte: Rondoniaovivo.

Câmara aprova PL que tipifica o crime de violência psicológica contra a mulher

A Câmara dos Deputados aprovou, na noite desta quarta-feira (2), o Projeto de Lei 741/2021, que criminaliza a violência psicológica contra a mulher. A pena prevista é de reclusão de seis meses a 2 anos, ou multa, se a conduta não constituir crime mais grave.


Câmara aprova PL que tipifica o crime de violência psicológica contra a mulher


Segundo o texto, esse tipo de violência passa a ser o ato que “causar dano emocional à mulher, que lhe prejudique e perturbe o pleno desenvolvimento ou que vise degradar ou controlar suas ações, comportamentos, crenças e decisões, mediante ameaça, constrangimento, humilhação, manipulação, isolamento, chantagem, ridicularização, limitação do direito de ir e vir ou qualquer outro meio que lhe cause prejuízo à saúde psicológica e à autodeterminação”.

A matéria, que segue agora para a análise do Senado Federal, estabelece também outras medidas para o enfrentamento à desigualdade de gênero. O projeto de lei faz parte do chamado Pacote Basta!, apresentado ao Congresso Nacional em 2020 pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB). 

O texto institucionaliza ainda a campanha conhecida como "Sinal Vermelho Contra a Violência Doméstica", criada no passado pelo Poder Judiciário. A campanha estabelece que a mulher poderá fazer denúncia de violência física ou psicológica através do “código-sinal em formato de X, preferencialmente feito na mão e na cor vermelha”. 

Segundo o texto, a partir do momento em que uma vítima desenhar o sinal X quando estiver em entidades privadas ou públicas, será viabilizada a ela assistência e segurança, isso por meio de parceria entre o Poder Executivo e Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública e órgãos de segurança pública. 

A matéria pede ainda que essa linguagem de denúncia seja amplamente divulgada nos canais de comunicação.



Fonte: ASSESSORIA .

Paciente de 29 anos que chegou intubada em RO é a primeira a voltar com vida para Mato Grosso do Sul

Uma semana depois de chegar intubada em Rondônia, Bruna Maria dos Santos Duarte, 29 anos, voltou hoje para casa, em Dourados (MS), na companhia da mãe. Ela estava entre os primeiros nove pacientes enviadas a Porto Velho para atendimento intensivo de Covid-19 por falta de vagas em Mato Grosso do Sul. É a primeira a retornar com vida.


Paciente de 29 anos que chegou intubada em RO é a primeira a voltar com vida para Mato Grosso do Sul


Houve festa e muitas lágrimas na despedida dos profissionais de saúde que a assistiram nos últimos dias. Em seu depoimento, Bruna agradeceu os cuidados e ressaltou a felicidade de voltar para casa.

“Nem consigo falar de tão feliz que estou. Deus permitiu que eu vivesse de novo”, declarou.

A alta ocorreu hoje, sete dias depois de chegar em Porto Velho, em leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Mais sete sul-mato-grossenses continuam internados em Rondônia, sendo um rapaz de 29 anos que está prestes a sair da unidade intensiva.

 Dos demais pacientes, segundo a Secretaria de Saúde de Rondônia, três estão em Estado gravíssimo e outros três ainda em ventilação, mas com quadro de saúde estável.


Fonte: Campo Grande News.

PM emite nota dizendo esperar que impasse se resolva o mais breve possível

Na data de ontem, o Comando da Corporação se reuniu com o Procurador Geral do Ministério Público, Dr. Ivanildo de Oliveira, com o Procurador do Tribunal de Contas do Estado e demais Promotores de Justiça, onde foi apresentada a viabilidade do Governo do Estado em conceder melhoria salarial a classe policial militar.


PM emite nota dizendo esperar que impasse se resolva o mais breve possível


Devido aos estudos apresentados pelo Comando-Geral e seu staff a aquele colégio de promotores, houve o entendimento de se fazer uma reunião na próxima segunda-feira, 14 de junho, onde será chamada a equipe econômica do Governo, sendo um representante da Procuradoria Geral do Estado, da Secretaria de Estado de Finanças (Sefin), da Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog) e também da Superintendência Estadual de Gestão dos Gastos Públicos Administrativos (Sugesp), onde será debatido o estudo apresentado na última sexta-feira e ouvido a contrapartida do Estado.

Quanto a reunião ocorrida no Palácio do Governo que redundou no fechamento do quartel do 5º BPM e 8º BPM, os dois fechamentos não trouxeram prejuízos consideráveis na promoção da segurança pública nas localidades, uma vez que na capital o 1º BPM, o 9º BPM, o Batalhão de Polícia de Choque e as Forças Táticas, supriram a deficiência.

E em Jaru, o 7º BPM do Município de Ariquemes supriu a necessidade de policiamento na localidade. E ao final do movimento, quem agiu em desacordo com a lei, terá que se explicar perante a mesma.

Quanto a assembleia realizada pelas associações, no CPA, na sexta-feira, o Comando da Corporação não foi convidado, portanto não se manifestará a respeito do que foi tratado naquela ocasião.

O comando da Polícia Militar de Rondônia reitera sua confiança no Governador do Estado e temos a certeza que se resolverá esse impasse no mais curto prazo, sem prejuízos para a sociedade rondoniense.


COMANDO DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE RONDÔNIA.

Prefeitura já apurou 25 ocorrências de queimadas urbanas neste mês em Porto Velho

O período em que as chuvas são mais escassas eleva os riscos do surgimento de focos de queimadas, problema que a Prefeitura de Porto Velho enfrenta ampliando a vigilância com equipes especializadas. Já foram identificados, só neste mês, 25 ocorrências de danos ambientais desta natureza.


Prefeitura já apurou 25 ocorrências de queimadas urbanas neste mês em Porto Velho


A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Sema) registrou e apurou 85 focos de queimadas desde o início do ano através do Departamento de Fiscalização Ambiental. Fazer queimadas é crime passível de multa, varia de R$ 80,11 a R$ 8.011 milhões.

A degradação ambiental derivada da queimada urbana não precisa necessariamente ser averiguada no momento em que ocorre. O fiscal pode constatar vestígios da queimada posteriormente e lavrar o auto de infração.

“O principal fator da queimada urbana continua sendo a ação humana, seja direta ou indireta. Grande parte dos incêndios em vegetação poderiam ter sido evitados”, explica Diego Pereira dos Santos, diretor da Fiscalização Ambiental da Sema.

Diego explica que a queima de resíduos sólidos feitos de forma errada pode volatilizar substâncias tóxicas e materiais particulados com grande potencial de dispersão e deposição. É neste momento, que a queimada foge do controle. Quando isto ocorre, os bombeiros podem ser acionados do telefone 193.

“Desde janeiro estamos recebendo e apurando as denúncias. Há mais registros de junho a outubro. Depois, as chuvas voltam a ser mais constantes e os casos tendem a reduzir”, destaca o diretor de fiscalização da Sema.

Atualmente, a secretaria tem três canais de denúncias, além do presencial. Os registros podem ser feitos através do Disque Denúncia 0800-647-1320 (para ligações), Whatsapp Denúncia 98423-4092 (para envio de fotos e vídeos) e também através do e-mail fiscalizacaosemapvh@gmail.com

Para que a denúncia seja completa é necessário indicar endereço do infrator contendo rua, número e bairro. “A secretaria tem recebido muitas fotografias de crimes ambientais e cobrança de providências. Sem o endereço correto as equipes não podem fazer a verificação”, avisa do secretário da Sema, Alexandro Miranda Pincer.

Ele lembra que as queimadas urbanas causam prejuízos não só ao meio ambiente, mas para a saúde das pessoas. “A fumaça, além de intoxicar quem provoca as chamas, causam problemas à vizinhança. Crianças, idosos e pessoas com problemas respiratórios são os que mais sofrem”, destaca o secretário.

“Estamos vivenciando uma pandemia de coronavírus e as pessoas que estão em tratamento podem ter piora no quadro de saúde devido ao potencial tóxico produzido nas queimadas urbanas”, lembra Diego dos Santos.

Fonte: Prefeitura de PVH.

Forças de segurança e salvamento são vacinadas em Porto Velho neste sábado

Continuou neste sábado (12), a vacinação contra a Covid-19 de grupos prioritários e forças de segurança e salvamento. A ação aconteceu na faculdade Uniron, localizada na Avenida Mamoré, na Zona Leste de Porto Velho.


Forças de segurança e salvamento são vacinadas em Porto Velho neste sábado


Longas filas foram registradas no local de vacinação nesta manhã. Policiais civis, militares do exército e servidores do município auxiliam as pessoas.

De acordo com a Prefeitura, as pessoas com comorbidade devem apresentar documento que comprove a condição. Os trabalhadores da saúde devem apresentar documento que ateste o vínculo com a instituição.

Já os trabalhadores da educação também devem apresentar documento que comprove vínculo com a instituição educacional.

Os profissionais das forças de segurança e salvamento serão vacinados mediante lista enviada pelas respectivas corporações, segundo informou o município.


Confira quem pode receber a vacina:


  • • Pessoas com 18 anos ou mais com comorbidade;
  • • Pessoas com doença renal crônica acima de 18 anos;
  • • Pessoas com Síndrome de Down acima de 18 anos;
  • • Pessoas com Deficiência Permanente acima de 18 anos;
  • • Profissionais da educação que atuam em creches e pré-escola;
  • • Profissionais das forças de segurança e salvamento



Fonte: Rondoniagora.

Repórter tem crise de riso ao noticiar ‘prisão’ de galo

O jornalista Eduardo Leandro bem que tentou, mas não segurou o riso ao noticiar a prisão de um galo por perturbar o sossego dos vizinhos em Ivaiporã, no interior do Paraná.

Em um vídeo divulgado no YouTube, é possível ver que o profissional fez diversas tentativas de gravar a matéria. “Eu não vou aguentar, cara”, afirma ele, rindo, ao cinegrafista que o acompanhava.

Ao tentar novamente, Eduardo voltou a gargalhar: “Espera aí, cara. Como é que eu vou falar isso, velho, sem dar risada?”. Pela terceira vez, o jornalista tenta, sem sucesso. “Tá. Deixa eu me concentrar, velho”, disse.



RO é o único estado que, em 72 horas seguidas, tem quedas de mortes pela Covid-19

Uma boa notícia para todos os rondonienses. Nas últimas 72 h,  Rondônia mantém queda no número de mortes pela Covid-19 no Brasil e, nas últimas 24 h foi o estado que teve a maior queda entre os estados brasileiros. De acordo com o Painel Covid-19, Rondônia é o único estado que nas últimas 72 hrs teve queda acentuada seguidos de Roraima, Acre e Ceará. A realidade em Rondônia é diferente do cenário nacional que registrou preocupante crescimento de mortes em 8% com 90.654 novos casos em 24 h.  


RO é o único estado que, em 72 horas seguidas, tem quedas de mortes pela Covid-19


Rondônia que amargou índices preocupantes de mortes pela Covid-19, tem mostrado um dado a ser comemorado: são 72 horas seguidas de queda de mortes em decorrência da Covid-19. O Brasil registrou nessas mesmas 72 horas crescimento de 8% das mortes com média de 2.215 óbitos. É a maior média em 20 dias.

O número fez com que a média móvel de óbitos voltasse a ficar acima de 1.900. Além disso, esse índice está acima de 1.000 há 142 dias, maior período de tempo até agora. Durante a chamada primeira onda, o maior tempo que a média móvel ficou acima de mil foi 31 dias.

São Paulo - 651 Minas Gerais - 270 Rio de Janeiro - 267 Paraná - 133 Rio Grande do Sul - 133 Bahia - 127 Goiás - 113 são os sete estados do Brasil onde houve crescimento nas últimas 24 horas de mortes causadas pelo coronavírus e manteve o ritmo de crescimento nas últimas 72 horas.

Nas últimas 24 horas o Estado de Rondônia manteve a maior queda na média móvel de óbitos pela Covid-19 (-26%) seguido do Acre (-21%) e Roraima (-15%), todos os três estados localizados no Norte do Brasil. O estado do Amazonas que, há alguns dias estava com queda de mortes, infelizmente teve crescimento de 53% nas últimas 24 horas e manteve esse crescimento nas últimas 72 horas.

No total, a doença causou 484.235 óbitos em todo o país desde o começo da pandemia. Desse total de óbitos, 1.093.290 brasileiros estão em acompanhamento. Após 51 dias com essa variação em relação a duas semanas indicando valores negativos, esta é a primeira vez que a tendência aparece acima de 0% a nível de Brasil.

Os números estão no novo levantamento do consórcio de veículos de imprensa sobre a situação da pandemia de coronavírus no Brasil, consolidados às 20h desta sexta, 11 de junho. O balanço é feito a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde.

Além do Amazonas que aparece em primeiro na posição de crescimento das mortes nas últimas 24 horas, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Sul são os estados com as maiores altas de mortes.


Vacinação

Mais de 23,6 milhões de pessoas já tomaram duas doses de vacinas contra a Covid, número que representa 11,16% da população do país. É o que apontam os dados do consórcio de veículos de imprensa, divulgado às 20h desta sexta-feira (11). São 23.630.516 que tomaram a segunda dose.

Em Rondônia foram vacinados 17,5% da população com a primeira dose do imunizante, conforme dados da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau).

De acordo com o boletim divulgado pela Sesau, 310.386 pessoas tomaram a 1ª dose da vacina contra a Covid-19 em Rondônia, número que equivale a 17,5% de toda a população. Já a 2ª dose, foi aplicada em 137.766 pessoas, equivalente a apenas 7,8% dos habitantes totalmente vacinados. 


Fonte: Jornalista Victoria Bacon.

VÍDEO: repórter tem crise de riso ao noticiar ‘prisão’ de galo

O jornalista Eduardo Leandro bem que tentou, mas não segurou o riso ao noticiar a prisão de um galo por perturbar o sossego dos vizinhos em Ivaiporã, no interior do Paraná.


VÍDEO: repórter tem crise de riso ao noticiar ‘prisão’ de galo


Em um vídeo divulgado no YouTube, é possível ver que o profissional fez diversas tentativas de gravar a matéria. “Eu não vou aguentar, cara”, afirma ele, rindo, ao cinegrafista que o acompanhava.

Ao tentar novamente, Eduardo voltou a gargalhar: “Espera aí, cara. Como é que eu vou falar isso, velho, sem dar risada?”. Pela terceira vez, o jornalista tenta, sem sucesso. “Tá. Deixa eu me concentrar, velho”, disse.

VÍDEO: repórter tem crise de riso ao noticiar ‘prisão’ de galo

Confira o vídeo

Um morador da Rua Agripina Maria Pedro, na Vila Santa Terezinha, em Ivaiporã, ligou para a PM (Polícia Militar) por volta das 5 horas para reclamar de perturbação de sossego. A PM foi até o local para ver o que estava acontecendo.

A Polícia Militar apreendeu o galo e o deixou aos cuidados da Secretaria de Meio Ambiente de Ivaiporã. O animal foi levado a uma chácara, onde está sendo cuidado e alimentado.

Fonte: ND+

Eletricista é preso bêbado com Hilux a serviço da Energisa em Porto Velho

Um eletricista de 29 anos foi preso na noite de sexta-feira (11) pelos crimes de embriaguez ao volante e direção perigosa no distrito de Jaci-Paraná, em Porto Velho (RO). O acusado foi flagrado dirigindo um automóvel a serviço da Energisa.

 

Eletricista é preso bêbado com Hilux a serviço da Energisa

Consta em registro de ocorrência, que uma equipe da Polícia Militar flagrou o homem em alta velocidade em uma caminhonete Hilux de uma empresa a serviço da Energisa.

Dentro do veículo estava o eletricista, a namorada dele e duas crianças. O acusado embriagado saiu em fuga e só foi alcançado após intensa perseguição policial.

Ao ser feito teste de bafômetro, o resultado foi de 0,94 MG/L. O homem recebeu voz de prisão e foi apre na Central de Flagrantes.


Fonte: Rondoniaovivo.