Últimas Notícias
Brasil

Gêmeos nascem em dias, meses e anos diferentes nos EUA

Os irmãos Alfredo Antonio e Aylin Yolanda Trujillo nasceram com apenas 15 minutos de diferença, mas Alfredo veio ao mundo em 31 de dezembro de 2021 e Aylin, em 1º de janeiro de 2022.

Uma maternidade na Califórnia, nos Estados Unidos, registrou um raríssimo caso de gêmeos que nasceram em dias, meses e anos diferentes.

Os gêmeos Alfredo Antonio e Aylin Yolanda Trujillo nasceram com apenas 15 minutos de diferença, mas Alfredo veio ao mundo em 31 de dezembro de 2021 e Aylin, em 1º de janeiro de 2022 


Os irmãos Alfredo e Aylin nasceram com apenas 15 minutos de diferença, mas Alfredo Antonio Trujillo veio ao mundo às 23h45 de 31 de dezembro de 2021 e Aylin Yolanda Trujillo, pontualmente à 0h de 1º de janeiro de 2022.


O Natividad Medical Center, que fica no condado de Monterey, diz que Alfredo foi o último bebê a nascer em 2021 no local, enquanto Aylin foi a primeira em 2022.


O irmão "mais velho" nasceu com 2,75 kg e a "caçula", com 2,66 kg, segundo o Natividad Medical Center.


Segundo o estabelecimento, há cerca de 120 mil nascimentos de gêmeos por ano nos EUA (pouco mais de 3% do total), e a chance de eles nascerem em anos diferentes é de 1 em 2 milhões.

"É uma loucura que eles sejam gêmeos e tenham aniversários diferentes", disse a mãe, Fátima Madrigal, segundo o centro médico. "Fiquei surpresa e feliz por ela [Aylin] ter chegado à meia-noite".


Os gêmeos se juntarão a três irmãos mais velhos (duas meninas e um menino) na cidade de Greenfield, e a mãe disse que seu filho mais velho estava animado por um dos bebês ser um menino.

A mãe Fátima Madrigal e os gêmeos Alfredo Antonio e Aylin Yolanda Trujillo, que nasceram com apenas 15 minutos de diferença mas em dias, meses e anos diferentes 


"Este foi definitivamente um dos partos mais memoráveis ​​da minha carreira", disse a médica Ana Abril Arias, que trabalha no Natividad Medical Group, segundo comunicado divulgado pela maternidade.


"Foi um prazer absoluto ajudar esses pequeninos a chegarem aqui, com segurança, em 2021 e 2022. Que maneira incrível de começar o ano novo!", comemorou a médica. (G1)



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade