Últimas Notícias
Brasil

Principal suspeito de matar mulher a golpes de machado em Colorado do Oeste tem 64 anos e mora sozinho na área rural de Cabixi

Arma usada no crime foi deixada ao lado do corpo de vítima de 62 anos

O site confirmou agora à noite a identidade do homem acusado de matar a ex-esposa na cidade de Colorado do Oeste na tarde desta quinta-feira, 21. 



O crime teve como vítima a dona-de-casa Maria Francisca da Silva, que faria 63 anos no mês que vem (LEMBRE AQUI).

 

Segundo uma moradora próxima do local do crime, ela teria visto o autor deixando a residência após matar a idosa: trata-se de José Nicomédio da Silva, 64 anos, conhecido como “Zé do Burro”, há mais de três décadas  morador da Linha 7,  próximo ao distrito de Planalto São Luiz, pertencente a Cabixi.

 

Segundo apurou o site, José e Maria teriam participado de uma audiência de conciliação pela manhã. Através de videoconferência pelo celular, o casal, que segundo conhecidos estava separado há vários anos, discutiu a partilha dos bens. Ela estava na cidade de Colorado e ele no sítio, quando a videochamada foi feita.

 

Após a audiência, a idosa, que estava na casa de um neto, foi levada para sua casa por ele. Quando o rapaz retornou para sua residência, foi informado do crime.

 

Junto ao corpo de Maria, o autor do crime deixou o machado que havia usado para matá-la. A arma, inclusive, foi apresentada na Delegacia de Polícia Civil de Colorado do Oeste. O assassino teria atingido a mulher com pelo menos quatro golpes, inclusive no pescoço. Mas apenas a necropsia irá confirmar essa informação.

 

Segundo uma testemunha, o homem que aparentemente seria o autor do crime deixou a casa de Maria a pé. O principal suspeito, que mora sozinho em seu sítio, ainda não foi encontrado. A polícia continua fazendo buscas por ele e ainda não há confirmação se a motivação do assassinato seria por questões patrimoniais.(Folha do Sul)



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade