Últimas Notícias
Brasil

DENÚNCIA: PM prende responsáveis por favorecimento de prostituição de menores

A ocorrência policial fora registrada como Favorecimento de Prostituição/ Exploração Sexual (Consumado), Crime Envolvendo Produto ou Substancia Tóxica 

A Polícia Militar de Rondônia (PMRO), por meio de 02 Equipes do 1º Batalhão de Polícia Militar (1º BPM), empregadas na Operação Paz no Campo, no dia 04 de setembro do corrente ano, sendo 01 Guarnição, sob o comando do Major PM Adenilson, comandante do 1º BPM, e a outra composta por 01 Guarnição da Força Tática, recebeu uma denúncia de prostituição e aliciamento de menores, que estaria ocorrendo em uma embarcação ancorada nas margens do Rio Madeira, nas proximidades da foz do Rio Jamari, na região do Distrito de São Carlos, dirigindo-se imediatamente na embarcação da PMRO, após a denúncia, em patrulhamento fluvial até o referido local para averiguação.



No local, os militares encontraram diversas mulheres e foram informados que a embarcação é frequentemente usada como ponto de prostituição e que ficaria ancorada no local mencionado, do dia 03 ao dia 06 de setembro, para tal finalidade.


Uma das mulheres, maior de idade, informou ser responsável pela embarcação na ausência da dona do barco, que não estava presente no local no momento da abordagem policial.


Foi encontrado, ainda, no barco, 01 homem, identificado como policial penal, que informou aos agentes de segurança pública que estaria naquele local contratado por um terceiro para realizar a segurança da embarcação.


Estavam, também, no barco 04 adolescentes, que informaram terem sido contratadas pela dona da embarcação para aquela região de garimpo, como meio atrativo para atrair clientes pela quantia de R$ 50,00, referente ao aluguel dos quartos do barco, para fins de realização de “programas sexuais”.


Na realização das buscas pelos policiais nos integrantes do barco, fora encontrada na bolsa de uma das mulheres, maior de idade, uma porção de substância entorpecente, aparentando ser “maconha” e, ainda, quando da busca nas dependências da embarcação, fora encontrada no banheiro uma porção de substância entorpecente, aparentado ser “bórico”.


Na realização da busca pessoal no policial penal, foram encontrados em seus pertences 05 frascos de azougue (mercúrio), contendo 1kg em cada frasco, além de 09 caixas de Citrato de Sildenafila, além de que, também, estava em sua posse uma pistola, calibre .40, pertencente ao patrimônio da SEJUS.


Perguntado sobre a procedência dos produtos, o homem informou que havia adquirido em Guajará-Mirim e que faria comercialização no local para os garimpeiros.

 

Diante dos fatos, fora dada voz de prisão a todos os envolvidos, sendo lidos seus direitos constitucionais e, posteriormente, apresentados na Central de Flagrantes para as medidas legais cabíveis.

 

A ocorrência policial fora registrada como Favorecimento de Prostituição/ Exploração Sexual (Consumado), Crime Envolvendo Produto ou Substancia Tóxica (Consumado).P5/ (1º BPM)



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade