Últimas Notícias
Brasil

Caminhoneiros fazem bloqueios pelo 2° dia em rodovias de Rondônia

Na noite de quinta-feira (9), alguns pontos da rodovia chegaram a ser liberados, mas atos seguem em sete locais. Ações são em apoio às manifestações ocorridas em 7 de setembro.

Cinco pontos de bloqueio parcial e um ponto de bloqueio total são registrados nas rodovias de Rondônia nesta sexta-feira (10), segundo dia de protestos de caminhoneiros no estado. Os manifestos são na BR-364 e BR-421, que tem bloqueio total de veículos.

Grupo de caminhoneiros em protesto a favor de Bolsonaro na BR-364, em Candeias


Abaixo, veja onde são os ponto de bloqueios e interdição, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF):

Ariquemes: bloqueado parcialmente no KM 512 da BR-364. Segundo a PRF, veículos de emergência e afins estão passando normalmente. Já os veículos de carga não passam.

Jaru: bloqueio parcial na BR-425. Manifestantes às margens da rodovia. Passagem vetada para caminhões com carga não perecível.

Cacoal: bloqueio parcial com manifestantes às margens da rodovia, mas bloqueado para caminhões com carga não perecível.

Ji-Paraná: bloqueio parcial com manifestantes às margens da BR-364 no Anel Viário. Bloqueado para caminhões com carga não perecível.

Jaci paraná (distrito de Porto Velho): bloqueio parcial no km 789 da BR-364. Somente caminhões com cargas não perecíveis está proibido trafegar.

Monte Negro: BR-421 com bloqueio total, porém há liberação do trânsito em geral por 20 minutos. Os veículos de emergência e afins estão passando normalmente. Os veículos de carga não passam. Os manifestantes condicionaram a abertura somente após o encerramento do bloqueio em Ariquemes.

Ouro Preto do Oeste: bloqueado parcialmente no km 387 da BR-364 para caminhões com carga não perecível. Liberado para veículos de passeio, emergência, ônibus, perecíveis e carga viva.

A PRF diz que em duas cidades há concentração de caminhoneiros às margens da rodovia, sendo um em Candeias do Jamari (no km 691 da BR-364) e outro em Presidente Médici.


Na noite de quinta-feira (9), os pontos de bloqueios foram liberados em Vilhena (RO), no Sul do estado e em Candeias do Jamari, próximo a Porto Velho, que está com trânsito liberado para todos os veículos, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF).


Bolsonaro divulga 'Declaração à Nação' e diz que não teve 'intenção de agredir' poderes

Os caminhoneiros que protestam são a favor do governo do presidente Jair Bolsonaro e contra os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).


Na maioria dos locais que permanecem parcialmente bloqueados, apenas carros pequenos, veículos de emergência e cargas de alimentos perecíveis estão tendo o trânsito liberado pelos manifestantes.


As interdições continuam mesmo após o presidente Jair Bolsonaro gravar um áudio pedindo aos caminhoneiros que liberem as estradas do país. Na gravação, Bolsonaro diz que a ação "atrapalha a economia" e "prejudica todo mundo, em especial, os mais pobres".


Caminhoneiros fazem protesto na BR-364 em Candeias, região metropolitana de Porto Velho — Foto: Reprodução

Caminhoneiros fazem protesto na BR-364 em Candeias, região metropolitana de Porto Velho — Foto: Reprodução


Na quinta-feira os protestos chegaram a ocorrer em 13 pontos de rodovias do estado:


Jaci-Paraná (distrito de Porto Velho): Fechamento da rodovia no KM 789.

Cacoal: bloqueio no km 234, entre a região metropolitana e o bairro riozinho, zona rural. No local, os organizadores bloquearam o sentido crescente da pista com pneus, cones e latas de diesel. De acordo com a PRF, os manifestantes estão realizando uma espécie de 'Pare e Siga' para evitar congestionamentos.

Candeias do Jamari: bloqueio no KM 691 (entre Candeias e Porto Velho). Trânsito liberado apenas para carros de pequeno porte, veículos de emergência, de carga viva e de carga perecível.

Ji-Paraná: bloqueio na região do Anel Viário, km 337. Carros de passeio, emergência, carga viva e perecível estão passando.

Ouro Preto do Oeste: bloqueio no KM 387. Cerca de 15 caminhões realizando bloqueio, sentido crescente, Trânsito Liberado para Veículos de passeio, de emergência, ônibus , perecíveis e carga viva.

Jaru: bloqueio no Km 425. Fechamento da rodovia.

Cujubim: bloqueio no km 563 Veículos de passeio, cargas vivas e perecíveis, produtos perigosos e veículos de emergência podem trafegar livremente.

Presidente Médici: bloqueio no km 305, no trevo de acesso à BR-429. Veículos de passeio, cargas vivas e perecíveis, veículos de emergência podem trafegar livremente.

Vilhena: interdição parcial da rodovia no KM 19, com autorização para passagem de veículos de passeio, cargas vivas e perecíveis, veículos de emergência podem trafegar livremente.

Ariquemes: bloqueio parcial no km 514. Veículos de passeio, cargas vivas e perecíveis, veículos de emergência podem trafegar livremente.

Pontos de bloqueios parciais em Rondônia no dia 9 de setembro


Em outras rodovias:

Cerejeiras: a interdição parcial está sendo feita na BR-435, no KM 120.

Monte Negro: interdição total na BR-421.



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade