Últimas Notícias
Brasil

Prefeitura anuncia censo de pessoas em situação de rua em Porto Velho, em RO

Em 2016, 116 pessoas estavam em situação de rua em Porto Velho. Prefeitura planeja oferecer qualificação e emprego ao grupo.

A Prefeitura de Porto Velho pretende iniciar um censo, para quantificar as pessoas em situação de rua da capital, a partir da próxima segunda-feira (16). A última ação foi realizada em 2016 e calculava 116 pessoas.

Prefeitura de Porto Velho vai realizar censo de pessoas em situação de rua.
Prefeitura de Porto Velho vai realizar censo de pessoas em situação de rua. 


Segundo o secretário da Secretaria de Assistência Social e Família (Semasf), Claudi Rocha, o objetivo é classificar o grupo por sexo, faixa etária e etnia. “As informações obtidas nos ajudarão a traçar metas de trabalho, especialmente para tentar tirá-los das ruas”, diz.


Ele ainda ressalta que os principais motivos que levam a uma pessoa a estar em situação de rua são: desemprego e dependência química.


O levantamento será realizado por funcionários da Secretaria de Assistência Social e Família (Semasf), com ajuda dos parceiros: Secretaria de Assistência Social estadual (Seas), secretarias estaduais de segurança e justiça (Sesdec e Sejus), além da Universidade Federal de Rondônia (Unir) e o Centro Universitário São Lucas.


O grupo fará abordagens com um questionário pré-estabelecido, nos pontos onde geralmente o público alvo costuma se agrupar. Os principais são:


Campo do 13, localizado no bairro Embratel.

Arredores da Rodoviária e avenida Jorge Teixeira, também no bairro Embratel.

Oportunidades

Além da classificação do grupo, a Semasf tem o objetivo é oferecê-los uma oportunidade através de projetos de qualificação profissional. Segundo a prefeitura, um chamamento foi aberto para alugar o local onde os cursos serão ofertados.


“Também estamos em diálogo com a Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) e com empresários locais para que ofereçam oportunidades para as pessoas que querem sair das ruas”, conta Claudi.



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade