Últimas Notícias
Brasil

MORTE DE ROSILENE: Policial federal é ouvido na Delegacia de Homicídios que aguarda laudos

Estão sendo aguardados resultados de novos laudos no corpo da vítima que irão apontar a causa da morte.

Prestou depoimento na Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) um policial federal aposentado de 56 anos sobre a morte da ex-mulher Rosilene Chaves de Oliveira, 46, ocorrida no dia 04 deste mês em uma residência na Avenida Calama, bairro Aponiã, em Porto Velho (RO).

 


O policial reafirmou tudo que já havia dito no dia em foi detido suspeito de ter matado a vítima. Após o laudo preliminar apontar resultado inconclusivo, o PF foi liberado em seguida, ainda na quarta-feira passada.

 

O policial informou que as lesões no corpo da vítima foram em consequência das intensas massagens cardíacas que ele realizou com o objetivo de tentar reanimar a ex-esposa.

 

Duas testemunhas chegaram a ver o homem por cima da mulher realizando a massagem cardíaca. Rosilene estava caída na varada da residência.

 

As investigações do caso continuam sob o comando da delegada Leisaloma Carvalho. Estão sendo aguardados resultados de novos laudos no corpo da vítima que irão apontar a causa da morte.

 

Rosilene era técnica de enfermagem e tinha medida protetiva contra o ex-marido, policial federal. O casal conviveu por 25 anos. No corpo dela foram encontradas lesões no tórax e rosto.(Rondoniaovivo)



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade