Últimas Notícias
Brasil

Saída de presidente do Inep não terá impacto no Enem, diz ministro da Educação à CNN

Danilo Dupas será substituído a partir de agosto por Carlos Moreno, diretor de Estatísticas Educacionais do órgão

O ministro da Educação, Victor Godoy, declarou, nesta quarta-feira (27), em entrevista à CNN, que a saída de Danilo Dupas do comando do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) não trará impacto na realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Saída de presidente do Inep não terá impacto no Enem, diz ministro da Educação à CNN


“O impacto é praticamente nulo, porque acho que o grande trabalho que nós fizemos nesses últimos anos no Inep foi institucionalizar os processos. A gente fez um grande trabalho de aprimoramento da governança e o Enem é um exame feito a muitas mãos, inclusive com vários parceiros externos”, afirma Godoy.


“Agora, nós estamos em uma fase do cronograma de aplicação do Enem em que as provas já estão elaboradas e já foram realizados todos os procedimentos internos do Inep para a conclusão da prova. A gente passa para aquela fase mais externa de aplicação do Enem, que é o envio da prova para a gráfica, que vai fazer a impressão e depois toda a logística de distribuição e aplicação para todos os estudantes”, continua.


O Enem está marcado para acontecer nos dias 13 e 20 de novembro.


Godoy ainda cita que nenhuma outra prova prevista para o segundo semestre deste ano será afetada, como o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos (Revalida) e o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).


A partir de agosto, Carlos Moreno, diretor de Estatísticas Educacionais, assumirá o comando do Inep.


Em nota, o Ministério da Educação (MEC) informou que Moreno é servidor de carreira da própria instituição, doutorando em Educação pela Universidade Católica de Brasília e Mestre em Estatísticas pela Universidade de Brasília (UnB).


Segundo Godoy, a saída do ex-presidente aconteceu por motivos pessoais. “A saída do atual presidente Danilo Dupas ocorreu por motivos pessoais e a pedido. Agradeço por todo o trabalho realizado nesse período, que trouxe avanços importantes para a autarquia”. (CNN BRASIL)



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade