Últimas Notícias
Brasil

Mães abandonam crianças para beber em bar e são presas em flagrante

Duas mulheres, de 27 e 22 anos, e um homem de 25 anos, foram detidos por deixarem quatro crianças, de 1, 6, 8 e 10 anos, sozinhas em casa e irem para um bar beber, na madrugada desta quinta-feira (21), em Confresa (a 1.160 km de Cuiabá).

IMAGEM ILUSTRATIVA

A Polícia Militar foi acionada através de uma denúncia anônima, informando que havia uma criança de aproximadamente 2 anos de idade abandonada na Praça do “Camilão”, em desespero.

Ao chegar no local informado, a guarnição encontrou uma criança chorando e chamando por “mamãe”. A equipe da PM então arrombou o portão da residência e entrou na casa para resgatar a criança.

Os policiais seguiram em direção aos cômodos, que ficam no fundo do quintal, onde encontraram três crianças dormindo, com um filhote de cachorro.

Uma das crianças acordou com a chegada dos policiais e, ao ser questionada sobre a sua mãe, respondeu: “minha mãe saiu”. Então, as outras crianças acordaram e foram todas levadas para a delegacia.

O plantonista acionou o Conselho Tutelar, mas no momento em que os policiais saíam da residência, encontraram com os adultos responsáveis pelas crianças, “aparentemente alterados por bebidas alcoólicas”, segundo a ocorrência.

No momento em que as mulheres confirmaram ser as mães das crianças, os policiais deram voz de prisão, por abandono de incapaz.

As mulheres foram algemadas e colocadas na viatura. Neste momento, o irmão de uma deles chegou ao local e passou a gritar com os policiais. “Não vão levar elas, não. Isso não vai ficar assim”. O homem correu para dentro da casa e resistiu à prisão. Foi necessário uso de força e algemas para conseguir contê-lo.

Todos foram encaminhados à 27ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) para a confecção do Boletim de Ocorrência. As crianças ficaram sob os cuidados de conselheiras tutelares.

Fonte - Por Reportermt.



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade