Últimas Notícias
Brasil

Mãe se desespera e destrói hospital ao saber que filha de apenas 1 ano morreu; veja o vídeo

Imagens que circulam nas redes sociais na tarde desta quarta-feira (8), mostram o desespero de uma mãe ao ser informada sobre a morte de sua filha de 1 ano e 5 meses. O caso aconteceu na noite de terça-feira (7), no Serviço de Pronto-Atendimento (SPA) e Maternidade Chapot Prevost, localizado no bairro Colônia Antônio Aleixo, zona Leste de Manaus.


De acordo com informações preliminares, Sofia Eloá Monteiro, morreu misteriosamente após ter dado entrada no hospital acompanhada da mãe.

Segundo a mãe de Sofia, a bebê deu entrada no hospital apenas para uma consulta de rotina e horas depois foi a óbito ainda no local.

O médico plantonista teria informado a mãe da criança que ela precisaria ser intubada e horas depois ela teria falecido. Ao ser informada sobre a morte da filha, a mulher entrou em desespero e quebrou tudo na unidade hospitalar.

Nas imagens registradas por testemunhas, é possível ver o momento em que a mulher grita e quebra janelas e portas enquanto grita que a filha entrou bem no hospital e saiu morta. A mulher precisou ser contida por técnicos de enfermagem.

Pessoas que estavam no local confirmaram que a criança entrou bem e aparentemente não parecia ter nada grave e que faleceu logo após ter sido intubada.

Os pais da pequena Safira pediram que o corpo fosse para o Instituto Médico Legal (IML), para passar por exames que irão identificar a causa da morte que deve sair daqui há 30 dias.

O médico teria informado que a criança estava com pneumonia e ficou em tratamento, quando após algumas horas ela foi liberada e precisou retornar por apresentou uma piora, onde foi intubada e faleceu.

A verdadeira causa da morte deve ser investigada.

Clique e Veja o vídeo:


Fonte: Por Cm7.



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade