Últimas Notícias
Brasil

AM: Seduc lança editais de concursos ofertando 416 vagas

A Secretaria de Estado de Educação e Desporto do Amazonas (Seduc-AM), lançou dois editais para provimento de vagas destinadas para professores temporários. O Processo Seletivo Simplificado (PSS) ofertará 416 vagas. Os interessados podem se increver gratuitamente do dia 16 até o dia 26 de maio — pelo site. Ambos abrangem três modalidades de ensino:


  • 148 vagas para atuação no Ensino Regular, 
  • 63 para Ensino Mediado por Tecnologia e 
  • 205 vagas para o Ensino Indígena. 


De acordo com o cronograma do edital, o resultado parcial do processo seletivo está previsto para ser divulgado no dia 18 de junho. Já a previsão da publicação da lista final é para o dia 28 de junho de 2022, e no dia 30 de junho de 2022 será realizada a primeira convocação. A seleção terá durabilidade de 12 meses e será contada a partir da data de sua homologação. 

Além de Manaus, também serão cidades de lotação: Amaturá, Atalaia do Norte, Barreirinha, Benjamin Constant, Beruri, Coari, Japurá, Boca do Acre, Borba, Humaitá, Ipixuna, Itacoatiara, Jutaí, Manicoré, Maués, Manaquiri, Nhamundá, Novo Airão, Parintins, Pauini, Santa Isabel do Rio Negro, São Gabriel da Cachoeira, São Paulo de Olivença, Tabatinga, Tonantins, Tefé,  Uarini e Urucará.

 

Sobre o Edital nº 01/2022:

Este PSS será regulamentado pelo Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (CETAM). São ofertadas 211 vagas para formação de cadastro reserva para o quadro de professores temporários.

Poderá se inscrever o candidato que tenha nível superior completo. São diversas áreas voltadas para as vagas, como artes, biologia, ciências naturais, educação física, filosofia e outras.

 

Sobre o Edital nº 02/2022:

Este edital é direcionada ao provimento de 205 vagas voltadas para professores do ensino fundamental um (1º ao 5º ano), ensino fundamental dois (6º ao 9º ano) e ensino médio.

De acordo com o edital são requisitos básicos:

"ATA de reunião da comunidade, com assinaturas do Cacique/Tuxaua (se houver), das lideranças e membros da comunidade/aldeia presentes na reunião onde funciona a Escola, Indígena ou sala anexa. No caso de comunidades/aldeias atendidas por Escola Indígena/salas anexas em polos, na ATA de reunião devem constar as assinaturas de todos os Caciques/Tuxauas, das lideranças e membros presentes na reunião de todas as comunidades/aldeias envolvidas;

Nível Superior completo, diplomas nas seguintes áreas: Pedagogia, Linguas Indígena, Estrangeira e Portuguesa, Matemática, Ciências e Saberes Indígenas, Biologia, Física, Química, História, Geografia, Sociologia e Formas próprias de educar: Oralidade, trabalho, lazer e expressõesculturais.

Ensino Médio completo com Formação Continuada em Educação Escolar Indígena (com carga horária mínima de 80h/a) ou;

Ensino Médio completo ou Técnico para candidatos indígenas com anuência de sua comunidade/aldeia/povo."

 

Etapas do certame:

Este processo seletivo será composto por duas estas, no qual em ambas serão analisados documentos enviados pela internet. A primeira verificarar a veracidade dos documentos relacionados aos requisitos básicos e terá caráter eliminatório; os aprovados nesta fase, terá na etapa subsequente a documentação voltadas aos títulos e experiência profissional analisados; esta segunda etapa é de caráter classificatório e pontuação máxima de 60 pontos e 552 pontos, edital nº 01/2022 e nº 02/2022, respectivamente.

Os aprovados nesta seleção terão uma remuneração que varia de acordo com a jornada de trabalho. R$ 2.374,62 e R$ 4.749,22, 20 — para 40 horas reciprocamente.

 Fonte: Correio Web.



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade