Últimas Notícias
Brasil

Mulher é encontrada estrangulada dentro de guarda-roupa

Angela não possuía nenhum problema mental ou fazia uso de remédios controlados

Angela Maria Silva Duarte, de 51 anos desapareceu no final da tarde desta terça-feira, 5 de janeiro no bairro Greenville onde residia.

 


Ela teria deixado a casa aberta e todas as suas roupas e pertences estavam no local.

A última Visualização de Angela no celular app WhatsApp, foi por volta das 18h40, após esse horário o celular constava como desligado.

Ainda segundo informações, Angela não possuía nenhum problema mental ou fazia uso de remédios controlados.

A busca pelo paradeiro de Angela se deu rapidamente, tendo sua foto divulgada amplamente nas redes sociais, com esperança de encontrá-la viva.

A notícia da morte:

Durante a tarde desta quinta-feira (06), veio a notícia de que, seu corpo estaria em uma residência vizinha a sua, dentro de um guarda-roupa, e com sinais de suposto estrangulamento.

A casa onde o corpo de Angela foi encontrado, mora o suspeito do crime, que teria ainda hoje ido para uma fazenda na região do Mato Grosso onde supostamente trabalha e teria sido a última pessoa a ser vista conversando com Angela.

O corpo de Angela só foi encontrado dentro da residência, após o pai do suspeito abrir a casa, vasculhar, localizando o corpo despido, dentro do guarda-roupa e com sinais de estrangulamento.

Agora o caso está sendo investigado pela Polícia Civil e o suspeito está sendo procurado.(Rondoniaovivo)



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade