Últimas Notícias
Brasil

Cartilha de orientação para o Enem 2021 é divulgada pelo Inep

 As provas serão aplicadas nos dias 21 e 28 de novembro, nas versões digital e impressa

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) lançou a cartilha “Orientações gerais de prevenção à COVID-19”, para que os candidatos possam aprender sobre o uso de máscaras, higienização das mãos e as medidas a serem tomadas para evitar contaminação durante a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) lançou a cartilha “Orientações gerais de prevenção à COVID-19”
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) lançou a cartilha “Orientações gerais de prevenção à COVID-19”

A cartilha traz orientações como a opção de levar luvas transparentes ou semitransparentes para usar durante a aplicação da prova; separar máscaras para usar durante a aplicação; levar frasco de álcool líquido ou em gel, que também será disponibilizado pelo Inep; e a recomendação para que cada participante leve sua própria garrafa de água para consumo.

Caso o candidato apresente sintomas da Covid-19 na semana que antecede a aplicação do exame ou em sua véspera, a orientação permanece a mesma da edição anterior: o participante nessa condição não deverá comparecer ao local de provas, podendo solicitar reaplicação na Página do Participante.

Conforme as orientações, durante a permanência nos locais de prova os participantes também deverão seguir algumas recomendações como: permanecer de máscara durante a aplicação e higienizar as mãos em caso de troca de máscara ou em qualquer tipo de contato com materiais ou pessoas durante a aplicação.

Para o dia de aplicação do Enem, o Inep apresenta orientações importantes para que os candidatos obedeçam, sendo elas: comparecer ao local de aplicação com antecedência de uma hora para facilitar a entrada; respeitar o distanciamento social e usar máscara cobrindo totalmente o nariz e a boca.

A cartilha sinaliza, também, para a leitura do cartaz que estará fixado fora do local de provas e que apresentará as orientações em relação aos procedimentos de prevenção à covid-19. No momento de se identificar, antes de entrar na sala de provas, o participante deve retirar a máscara pelo elástico para que o chefe de sala possa verificar a fisionomia e a foto do documento de identificação. Após essa etapa, deve-se higienizar as mãos com álcool em gel e seguir as demais instruções do chefe de sala.

Enem

Ao todo, o sistema do Enem recebeu 4.004.764 inscrições para a atual edição. Esse número corresponde às duas versões do exame (impressa e digital). As inscrições começaram no dia 30 de junho e se estenderam até 14 de julho.

O Exame Nacional do Ensino Médio é a maior prova de acesso ao ensino superior do país. Com o resultado da avaliação é possível pleitear o ingresso em cursos de graduação oferecidos por instituições públicas e privadas. Os principais processos seletivos são os dos programas do governo Prouni, Sisu e Fies. Além disso, atualmente 50 universidades portuguesas aceitam a nota do exame para acesso aos seus cursos.

Cronograma:

Inscrições: 30 de junho a 14 de julho

Pagamento da inscrição: até 19 de julho

Pedido de atendimento especializado: 30 de junho a 14 de julho

Pedido de tratamento pelo nome social: 19 a 23 de julho

Provas: 21 e 28 de novembro

TAGS: Enem, Sisu, Prouni, Fies, Educação, Ensino Superior

Fonte: Agência Educa Mais Brasil



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade