Últimas Notícias
Brasil

Homem mata dois por dívida e é preso meia hora depois dos crimes

Nas primeiras horas deste sábado (26), a Polícia Militar, em Ji-Paraná, registrou um duplo homicídio e em pouco menos de meia hora, o acusado foi preso tentando fugir para o Distrito de Nova Londrina.

Homem mata dois por dívida e é preso meia hora depois dos crimes

De acordo com a Polícia, as vítimas, identificadas como André Luís Lacerda, de 32 anos e Rafael Marques, de 31 anos, estavam bebendo desde a madrugada em uma lanchonete, localizada às margens da BR 364, próximo a Rua Hermínio Victorelli, no 1º Distrito de Ji-Paraná, quando, por volta das 9 horas, um homem chegou ao local e efetuou vários disparos de pistola, atingindo fatalmente as vítimas. Logo após o crime, o assassino fugiu em um veículo Fiesta, de cor prata.


Depois de quase meia hora, uma guarnição da Polícia Militar abordou o criminoso já próximo ao Distrito de Nova Londrina. Ele foi identificado como sendo Wilson Mendes Martins e assumiu a autoria.


Segundo ele, as vítimas estavam lhe devendo dinheiro há muito tempo e se negavam a pagar. Nesta madrugada, o proprietário do estabelecimento que aconteceu o crime, que é seu primo, ligou para ele e informou que André e Rafael estavam bebendo na lanchonete. Ele ainda contou à Polícia, que chegou a ir no local, ainda de madrugada, mas acabou tendo uma desavença com os desafetos.


Então, foi até sua residência, pegou uma pistola calibre 9mm e retornou para a lanchonete e realizou os disparos. Em seguida, tentou fugir para Ouro Preto, mas ao avistar uma viatura da PRF, retornou e foi sentido ao Distrito de Nova Londrina, onde pretendia se esconder em seu sítio.


O fato foi registrado na UNISP e agora a Polícia Civil trabalhará no caso para esclarecer a história contada pelo suspeito e também saber se houve ajuda de mais alguém para cometer o crime.


Fonte: Rondoniagora



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!
- Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com

Publicidade