Últimas Notícias
Brasil

Bombas de gasolina e balanças comerciais são reprovadas pelo Ipem

O Governo de Rondônia, por meio do Instituto de Pesos e Medidas de Rondônia (Ipem), realizou um balanço das as ações de fiscalização executadas no Estado no período de 17 a 28 de maio.

 

Bombas de gasolina e balanças comerciais são reprovadas pelo Ipem

De acordo com o levantamento, foram reprovadas: 57 bombas medidoras de combustível; 21 balanças comerciais de supermercados: nove impressoras de etiquetas de preços: além de cinco irregularidades na aferição do volume de combustível.

A atividade do Ipem tem o intuito de evitar que o consumidor seja lesado no ato da compra de determinadas mercadorias, seja em supermercados, postos de combustíveis, indústrias e demais estabelecimentos comerciais.

Nas fiscalizações em postos de combustíveis em Rondônia, o município de São Francisco do Guaporé aparece em primeiro lugar com 16 bombas medidoras reprovadas, seguido por Seringueiras com 10 reprovações; e Ji-Paraná com sete irregularidades.

Também aparecem na relação de reprovações as cidades de Alta Floresta do Oeste, Guajará-Mirim, Machadinho D’Oeste, Nova Brasilândia D’Oeste, Nova Mamoré, São Miguel do Guaporé, Theobroma e Vilhena. Dentre as irregularidades encontradas estão: vazamento de combustível, vazão baixa da bomba, bombas com LED queimado e ainda mangueiras quebradas.

Nas ações em balanças comerciais, foram constatadas 12 infrações no município de Alta Floresta do Oeste, sete em Pimenta Bueno, uma em Espigão D’Oeste e outra em Nova Mamoré. Já os problemas encontrados em impressoras de etiquetas de preços foram constatados todos em Alta Floresta do Oeste com oito irregularidades.

“A intenção é intensificar o trabalho com ações rotineiras por todo Estado garantindo com que se cumpram as normas do Instituto de Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), assim como atendendo à solicitação do governador, Marcos Rocha. Com isso, estamos garantindo com que o consumidor possa adquirir o que realmente está comprando nos estabelecimentos e promovendo uma concorrência justa entre as empresas”, destacou o presidente do Ipem, Aziz Rahal Neto.

Em duas semanas de intensas ações, 1.071 instrumentos foram verificados pelas equipes de fiscalização do Ipem em 16 municípios, dentre eles: Alta Floresta do Oeste, Espigão D’Oeste, Guajará-Mirim, Ji-Paraná, Machadinho D’Oeste, Nova Brasilândia D’Oeste, Nova Mamoré, Pimenta Bueno, Porto Velho, São Francisco do Guaporé, São Miguel do Guaporé, Seringueiras, Theobroma, Vale do Anari e Vilhena.

As fiscalizações do Ipem cumprem todos os requisitos de segurança contra a covid-19, com as equipes mantendo o distanciamento necessário, utilizando máscaras de proteção e álcool gel.

O consumidor que encontrar ou suspeitar de alguma irregularidade, pode informar à Ouvidoria do Ipem, pelo e-mail ouvidor@ipem.ro.gov.br ou pelo telefone 0800 647 7277.



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário

- Seu comentário é sempre bem vindo!
- Comente, opine, se expresse! este espaço é seu!

- Se quiser fazer contato por e-mail, utilize o redacaor1rondonia@gmail.com